Voltar
05-11-2015

Imagem de sonda mostra Lua condenada de Marte; será destruída em 100 milhões de anos



Um estudo da Agência Espacial Norte-Americana (NASA) apontou para a destruição de uma das duas luas de Marte. Em alguns milhões de anos, a lua Fobos será destruída, deixando o planeta vermelho com apenas um satélite natural, como a Terra. Uma série de danos presentes na superfície de Fobos, a mais interna das duas luas marcianas, é causada pelo efeito da maré do planeta.
Os dois satélites naturais de Marte se diferenciam da Lua Terrestre por serem "pedregulhos espaciais", que lembram asteroides. Embora há quem diga que Fobos e Deimos sejam de fato asteroides capturados pela gravidade de Marte e transformados em luas, também há a possibilidade de que as duas tenham se formado por meio de um violento impacto no planeta, mesmo mecanismo que originou a nossa Lua.
Atualmente, Fobos orbita a 6 mil km da superfície de Marte e se aproxima do planeta cerca de dois centímetros por ano. Acredita-se que em 100 milhões de ano a lua, com 22 km, se despedace e despenque sobre Marte. O trabalho da NASA demonstrou que o processo já está em andamento, graças a força gravitacional do planeta. Já Deimos, menor, com seus 12 km, e mais afastado, a cerca de 20 mil km da superfície de Marte, está segura.




  Sobre

Este site tem o objetivo de divulgar notícias da área de Tecnologia.

  Recentes
  Contatos
  

contato@elimorais.com.br.