Voltar
22-12-2016

Pirâmide financeira vira febre na internet e tá na mira da Justiça



"Mandala" é um sistema que funciona em grupos do WhatsApp, que promete ganhos de até R$800,00 com investimento de apenas R$100,00. O dinheiro que é depositado na conta bancária pessoal dá direito ao novo participante de entrar "na roda" de ganhos convidando mais pessoas também para participar. 
Não existem produtos sendo comercializados. O sistema é dividido em quatro grupos - fogo, ar, terra e água. De acordo com o promotor Marco Aurélio Ribeiro, da Promotoria de Defesa do Consumidor, do Ministério Público do estado do Acre, estado com grande número de adéptos, o sistema possui fortes indícios de pirâmide financeira, visto que os últimos participantes acabam custeando os lucros de quem aderiu antes.
"Tem características de uma pirâmide financeira. Basta uma pessoa com a mínima noção sobre o sistema para ver que é impossível você dar R$ 100 e receber R$ 700 a mais no mínimo. Alguém está pagando esse dinheiro por você. Quem vai entrando depois vai sustentando a rede de recurso", acrescenta.
O sistema já está sendo investigado pelo Ministério Público, mesmo que ainda não tenha recebido nenhuma denúncia direta. "O marco civil da internet não traz normas claras sobre isso, mas temos o direito civil para nos amparar em certas questões eventuais de danos e temos também a parte criminal, já que todo sistema piramidal é um crime contra a economia popular", ressalta.
O sistema de pirâmide só é rentável para quem entra no início, cada indivíduo vai contribuindo para quem está acima, de forma que, se alguém não fizer o depósito, o sistema se quebra. O problema que pode acarretar no futuro é que muita gente vai depositar e não irá receber o dinheiro prometido.
O mandala virou febre em todo país e poderá ser mais uma dor de cabeça,semelhante a que os brasileiros vem enfrentando para receber os investimentos feitos na telexfree que foi desativada em 2013 com suspeitas de de ser pirâmide financeira.

Pirâmide financeira vira febre na internet e tá na mira da Justiça



  Sobre

Este site tem o objetivo de divulgar notícias da área de Tecnologia.

  Recentes
  Contatos
  

contato@elimorais.com.br.